21 outubro 2013

Uma vida de simplicidade e liberdade

“A vida de contemplação na ação e na pureza de coração é, portanto, uma vida de grande simplicidade e liberdade interior. Nela, não se busca nada de especial, nem se demanda nenhuma satisfação em particular. Nela, está-se contente com o que se é. Simplesmente se faz o que tem de ser feito e, quanto mais concreto for o que tem de ser feito, melhor. Quem a vive não se preocupa com os resultados do que é feito, mas fica contente com os bons motivos que tem, sem angustiar-se demasiadamente com a possibilidade de cometer erros. Desse modo, pode nadar na intensa corrente da vida e permanecer a todo momento em contato com Deus, na simplicidade e mistério de uma tarefa comum, evidente e presente.

The Inner Experience, de Thomas Merton
Editado por William H. Shannon
(HarperSanFrancisco, San Francisco) 2003
No Brasil: A experiência interior, (Martins Fontes Editora, São Paulo), 2007. p. 94

4 comentários:

robson gomes disse...

Fazer o que tem de ser feito com simplicidade sem afetações e angustias : Contemplação é isto cumprir a nossa obrigação.

jurema disse...

Acredito q na medida q vc aceita a vida na simplicidade, vc consegue a liberdade , essa liberdade tão querida por todos e tão difícil de conseguir !!

jurema disse...

Na medida q aceitamos a simplicidade da vida, alcançamos a liberdade tão desejada, essa liberdade tão querida, mas difícil de conseguir , já q temos q lutar com as seduções do mundo !!!!!!!

ANGELITA SOARES disse...


A PLENITUDE DO MISTÉRIO
Liberta-te de ti mesmo, se queres conhecer o Mistério;
Abre-te, tua mente, tua ama, teu Espírito para Horizontes inimagináveis para tua limitada concepção humana;
Queres ser verdadeiramente livre??Quebra os grilhões das tuas antigas mazelas, arrebenta as correntes das tuas mais duras certezas, estilhaça as tuas mais profundas convicções, solta-te nos Ventos do Espírito, sem temor e deixa-te conduzir;
Ainda acreditas saberes alguma coisa??Liberta-te disso, também, pois o pouco que sabes é quase nada diante da Plenitude do Mistério;
Ainda discutes, refutas, discordas, julgas e/ou condenas algo ou alguém??Então, ainda estás preso aos liames do mundo, envolto em densas Penumbras e Sombras Exteriores, provavelmente, não tens visitado os majestosos Territórios de tua Alma...
Ainda te sentes envaidecido ou orgulhoso de algo ou alguma coisa? Liberta-te disso, pois tudo vem do Mistério e, assim, só mostras o quanto ainda tens te deixado levar pelas Tolices do Mundo...
Alguma idéia ainda cabe inteiramente em tua mente?Ainda há algum conceito humano que comporte o teu pensamento?? Joga tudo isso fora, se queres, realmente, conhecer o Mistério;diante Dele, tudo é quase nada, e só Ele é capaz de revelar Tudo...
Algo ou alguém ainda te inquieta ou perturba? Liberta-te disso, pois quem quer conhecer o Mistério não tem vontades; vontades são ilusões do Ego, e são intermináveis, por isso, aprisionadoras...
Se queres ser realmente livre, para conhecer o Mistério, despe-te de ti mesmo, de tudo que pensas saber de ti e do mundo que te cerca; esvazia-te para poderes ser preenchido pelo inusitado Saber do Mistério;
Não te apegues a mais nada, nem ninguém, não precisas nem mesmo renunciar ou sacrificar; apenas não te apegues, não te deixes escravizar, mas permanece firme, em ti mesmo, para seres plenamente livre...
Nada te ilude ou te encante, dentro do mundo, pois, uma vez que ele é fugaz e passageiro, assim, também são as coisas que ele te oferece, ardilmente;
Se queres buscar o Mistério, busca-O, sem ansiedade, sem impaciência, sem irritações, mas com atenção constante, com plena disposição de aprender a se reaprender a segundo da tua Existência, porque é, em ti mesmo, que Ele mais habita;
Se queres segui-lo, não precisas nem apressar, nem diminuir o passo; Ele mesmo saberá impor o ritmo da tua caminhada, sem ferir a tua vontade e as tuas limitações;
Se queres conhecer a verdadeira Liberdade do Mistério, sobretudo, esquece-te de ti mesmo, para reaprenderes todas as coisas, mas principalmente, para reaprenderes o eterno e sempre inusitado Aprendizado do Amor...